21.10.10

A coisa era feia

Paulo Henrique Amorim relembra os melhores momentos dos anos FHC.

Não perca: as melhores capas da Veja.
Coitado do FHC ! E o EJ ?

2 comentários:

Ivan disse...

Lukas, relembrar dos trapaceiros que quebraram o Pais três vezes dá até arrepios. Nem dá para acreditar que continuem se apresentando como se fossem do bem. Com Paulo Preto e Eduardo Jorge puxando a fila se apresentam para um choque de moralidade. E tem bispos e fiéis que acreditam. Morrem de medo dos mensaleirinhos já cassados ou que renunciaram. Não estaria faltando uma capa, a da máfia dos vampiros ou do escândalo das ambulâncias? O genro do FHC também merecia um destaque.

Wilson Alves disse...

Quando a Veja acusava o PSDB, no passado, o fazia quase que protocolarmente, até porque, o governo de FHC nunca deixou de ter maioria no Congresso e as CPIs eram rarissimas. Além do mais, se por acaso, determinado escândalo ficasse muito escancarado logo o PIG, capitaneado pela Globo, punha panos quentes. Por fim, se mesmo assim, a safadeza fosse tamanha que não se pudesse abafar aí então entrava em cena o “Engavetador Geral da República, Geraldo Brindeiro.