17.12.08

Algumas

* Tia da Isa, de 84 anos, moradora do Borba Gato, recebeu uma belíssima informação ontem de manhã. Ela tinha cerca de R$500 pra receber da companhia telefônica e deveria, para tal, depositar R$2.000 reais em determinada conta. A ligação veio da "Caixa Econômica". Claro que é fria.
Ela foi em nossa casa toda eufórica. A Isa falou que logicamente era um golpe. Como você vai pagar 2 mil pra receber 500? Foi dificil convencê-la de que era um golpe. E ela insistiu pra minha esposa levá-la, hoje de manhã, na Caixa. Quando ela chegou na casa da tia pra dizer que era golpe, o telefone atendeu e era o mesmo cara. Ela disse: "Minha sobrinha está aqui em casa. Você fale com ela".
Quando a Isa pegou o telefone o cara desligou.
Cuidado, pessoal da terceira idade. Os caras inventam um golpe por dia.
* Comprei uma leitoa em sociedade com um amigo; metade pra cada um. Vai pro pau no sábado. Quero ensinar pro noqueiro como pururucar a bagaça. Muita gente me ensina maneiras diferentes. Cachaça, álcool, óleo fervente, etc. Mas esse modo aqui é ninja. Aprendi hoje com um cara que manja do babado. Ele trabalha com isso.
Coloque óleo, alho picado, sal fino e colorau. Tudo isso em meio copo americano. Mexa bem e passe a mistura no porco.
Coloque a parte da pele por baixo, na forma. Asse por uma hora e meia (depende do tamanho- vá acompanhando). Quando achar que estiver maneiro, vire a parte da pele pra cima. Ela pururuca sozinha.
Pelo o que ele me falou, o colorau e o óleo frio fazem uma proteção na pele.
Ó... mas se não der certo aí eu tô tirando meu corpo fora.
* Leonardo Filho e o cinegrafista Célio, vieram pela manhã fazer uma matéria com tio Lukas para o jornal da RIC. Vai sair em nível estadual e deve ir ao ar no jornal do meio-dia desta quinta-feira. É a respeito dos cartuns traduzidos pro inglês.
* Isso aí à esquerda é um asterisco. Você sabia?

3 comentários:

Anônimo disse...

Putz... já tinha comprado a cachaça... e agora? ...

Anônimo disse...

É fria. Não vai dar certo. Vai pururucar só um pequena parte.
Use um método radical: arrume um daqueles lança-chamas baratos, que se usa para acender fogão a lenha ou queimar pelos de porcos. Quando for servir, cheque a chama no couro. Não dá nega. Se vc for chique demais, compre aqueles pequenos lança-chamas usados para flambar ou gratinar em restaurentes caros.

jacker disse...

I will pass on your article introduced to my other friends, because really good!
wholesale jewelry