26.8.10

Terceiro mandato

De Carlos Heitor Cony:
A Constituição de 1988 proíbe o terceiro mandato presidencial, aliás, proibia também o segundo, mas os interessados descolaram a emenda para reeleger um tucano.
Em princípio, acho essa proibição um erro. Se determinado presidente deu certo, tem incontestável aprovação do eleitorado, apresenta bons índices de governo e garanta a democracia no país, poderia ser reeleito tantas vezes quanto durasse a sua eficiência e a sua moral.

O noqueiro concorda?

25 comentários:

Anônimo disse...

Dando certo é a SUA opinião e de muitos outros que perderam o bom senso e só vêem o que querem. A reeleição já foi um erro.
Dando certo o que??
A saúde uma merda, segurança pior e educação continua do jeito que político gosta, ou seja formando geração após geração de alienados ou aloprados.
A alternância no poder é necessária.
Elton

Minoria consciente disse...

pois é! foi através desse tipo de raciocínio que os nazista se perpetuaram no poder e pelo qual nosso querido neoditador, chaves, pretende se eternizar no governo venezuelano.

Em nenhum momento hitler deu o golpe. Fez tudo institucionalmente e com uma popularidade de quase 100% (muito semelhante a alguém que conhecemos).Com isso, vemos que ter maioria não significa ter sempre razão. O povo, defintivamente, não é a voz de Deus. Principalmente quando está seduzido por um discurso populista demagógico.

Pesquize um pouco sobre o tema "ditadura da maioria" e você verá que uma maioria, depois que se impõe - seguindo sempre a idéia que a maioria sempre tem razão -, fragmenta-se, expurgando as minorias e os grupos mais fracos que existem dentro de si.
Restando, por contraditório que seja, uma minoria.

Wilson Alves disse...

Os conservadores dizem que se determinado governante pudesse se candidatar indefinidamente estaria configurada uma ditadura, pois, este inexoravelmente sempre se reelegeria.
NADA MAIS FALSO!
Se Fernando Henrique tivesse disputado a presidência, em 2002, a surra que Lula deu na direita teria sido ainda maior.
Se Lula pudesse disputar as eleições agora, provavelmente nem haveria eleição, "O Cara" seria eleito por aclamação.

Wilson Alves disse...

Do El País
Negro futuro para la oposición brasileña
JUAN ARIAS 26/08/2010
Si se confirman los pronósticos de los sondeos, que auguran una victoria en primera vuelta de la candidata del Partido de los Trabajadores (PT) a la presidencia de Brasil, Dilma Rousseff, lo más probable es que la oposición quede desangrada y desarmada. Porque estas previsiones dibujan un Congreso en el que tanto el Parlamento como el Senado pasarán a las manos del Gobierno, apoyado hoy por una docena de partidos, entre ellos los dos más fuertes: el izquierdista PT y el conservador Partido del Movimiento Democrático de Brasil (PMDB). Y ambos, además, cuentan con el respaldo de la fuerza sindical.

TRADUÇÂO DO DIÁRIO ESPANHOL:

De O País
Futuro Negro Para a Oposição Brasileira
JUAN ARIAS 26/08/2010

No Brasil os tucanos voam alto! Bem... Ao menos suas penas voam.

Marco Fabretti disse...

alternância do poder parece garantir que a democracia funcione bem, vide o serviço que o pt prestou ao país quando era oposição, por ex, e depois chegou ao poder.

esse tipo de discussão sobre mandatos prorrogáveis só ocorre pq se alcançou um nível institucional bom, que permite o país seguir em frente sem sobressaltos originados de eleições. e este nivel só foi alcançado pq, ainda que aprovada a reeleição, estimulou-se a disputa limitando que os mandatários se perpetuassem no poder sob a tentanção de camuflar gastos públicos, investir além do orçamento, usar da máquina pública em geral. Assim, não há porque mudar. A vida política de um país não se resume, e nem deveria, a um lula, um fhc, um deus salvador qualquer. eles duram somente por uma geração, as instituições permanecem.

claro que este quadro é só uma opinião pessoal de como vão as coisas, e o q mais se vê, infelizmente, são pessoas usurpando dos cargos que possuem para permanecerem no poder, sem menor vocação para a responsabilidade pública. Mas regime político perfeito só existe para candidatos a ditadores. Há que se tocar, e com uma melhor educação da população que vota poderemos ao longo do tempo fazer pequenas revoluções invisíveis que em tudo são maiores do que as bobagens ideológicas entre presidente de pipi grande e de pipi pequeno.

abraços

lukas disse...

Ao leitor ELTON: fiz caquinha por aqui, sem querer, e excluí se comentario. Escreva de novo.
Pica a porva, meu nego!

elton disse...

deixa kéto...não tem muita importância, acha vista que o povo está deslumbrado....
vai ter que pagar pra ver.

Wilson Alves disse...

Lukas...

Eu já tinha “picado a porva” duas vezes, mesmo assim resolvi picá de novo (a porva).
Seguinte:
Da ultima vez que se mediu um presidente por seu pipi roxo, deu no que deu...
Em time que está ganhando não se mexe, vai que serra, digo, erra!?

lukas disse...

Elton. A opinião não é minha. É do Cony. Apenas coloquei aqui por ser uma idéia controversa e passível de discussões )inócuas, claro) e para saber o que os noqueiros pensam. Bacana você escrever o que acha sobre o assunto.

elton disse...

lukas, não creio que o cony pense assim, tudo o que ele quer é também se encostar num bolsa-ditadura.
afinal, como ele mesmo já disse em entrevistas, seu trabalho foi prejudicado durante o regime militar, com toda a censura e oscambáu.
a grande verdade que ninguém quer ver é que se não tivesse censura os jornais da resistência não teriam leitores...
o que seria do pasquim se não fosse subversivo..?

Wesllão F. S. Nogueira disse...

Que isso galera! Digam não ao autoritarismo, ao hereditarismo e à vitaliciedade.

Daqui a pouco estamos voltando à monarquia, só porque o rei é "bonzinho".

camarão disse...

sobre o tema, é interessante vermos o que diz a ética do discurso de habermas. segundo este filósofo, não há bom e mal, certo ou errado, mas sim o que a maioria da população quer ou não quer. assim, se a maioria da população quer a continuidade de um governo, ou a pena de morte, ambas as medidas são plenamente legitimadas para serem realizadas.
é claro que devemos nos lembrar também que esta teoria se baseia em uma democracia de verdade, certamente mais utópica que o próprio socialismo utópico, quando inserida em uma sociedade que adota o modo de produção capitalista. ainda mais quando os meios de comunicação são privados e as campanhas políticas são financiadas por doadore interessados.
de qualquer forma, vale a tese pra acrescetar no debate.

Ivan disse...

Descolaram um segundo mandato? Desde quando comprar é descolar?
A alternância é sempre bem vinda, desde que quem alterne não peretença ao gupo dos incompetentes e entreguistas de outrora.

Anônimo disse...

Da uma olhada neste link, muito bom, mas acho q não vai agradar muito ao pessoal do Pais das Maravilhas:

http://www.youtube.com/watch?v=dAQkMjebkeA

Anônimo disse...

Claro q concordo.

Democracia sem povo, é decidida em jornaloes fascistas, revistas nazistas e em universidades corruptas e corruptoras do pensamento humano.

O povo qer?

Q o povo decida qem e quantas vezes o qer govenrnando.

Já a crasse mérdia, q se lixe!

Inté,
Murilo

Adriano Silva disse...

Car&%8*lho !!!!
Quanta gente brava que pensa que ta certa !!!
O mas legal de tudo é que a memoria do povo brasileiro tem válidade de no maximo 08 anos....kkkk
Eu vejo eu simples "artigo aqui na CASA" que tbm concordo se pode um ser pode se eleger 2x, porque não 3 ou 4 ??
Agora todo mundo fala, "Lula num presta,PT é uma corja e sei lá mais u que". Antes era FORA FHC, impeachment do Collor..blá blá blá.

Mas agora fica aqui as perguntas.

QUEM É QUE FOI TÃO BOM ASSIM NA PRESIDENCIA? QUEM FEZ O SALARIO MINIMO DEIXAR DE SER MINIMO? QUEM FOI QUE ACABOU COM O DESEMPREGO? QUEM ACABOU COM AS FILAS DO SUS? QUEM?

Guilherme Mariucci disse...

Impressionante que quando FHC comprou o segundo mandato todos na imprensa golpista, aplaudiram...
Agora Lula sempre negou a possibilidade de um terceiro mandato e a impressa golpista volta e meia sugeria que Lula pudesse "dar um golpe" e abrir possibilidade para um terceiro mandato...

independente de tudo isso o povo está mostrando com a Dilma, ser favorável ao terceiro mandato, pois o mandato não é de uma pessoa, não é exclusivo do Lula, não vai ser só da Dilma, e sim de um projeto para o país, um projeto que deu certo e queira meia dúzia de babacas ou não, vai continuar por muito tempo dando certo...

e a propósito, referente ao primeiro anônimo, a saúde a educação e a segurança em São Paulo(estado tucano) está mil maravilhas né?

Se você não procurou saber eu te dou um toque, pesquise quantas escolas técnicas foram criadas nos últimos anos, quantas novas universidades, quantos novos cidadãos tiveram a oportunidade de ingressar no ensino superior.

Veja a parceria do governo federal no Estado do Rio de Janeiro para pacificar as comunidades. Isso poderia ser feito tbm em São Paulo, se por lá os governantes esquecessem as diferenças partidárias para beneficiar o povo. E se tbm por lá os governantes levassem a sério os policiais.

Perceba tbm Elton que se a oposição sedenta por derrotar o governo, parasse pra pensar, não teria feito a burrada de acabar com a CPMF e assim prejudicando os recursos para melhorar a saúde no país.

A alternância se faz necessária sim, mas não creio que em 2002 você torcesse pela alternância de poder. E outra coisa a alternância é valida desde de que não prejudique o país. As coisas estão progredindo e precisam de continuidade. Entrar PSDB nesse momento é pedir para o país regredir.

E por ultimo esse "Minoria consciente" ai é uma piada, comparar Lula com Hitler é hilariante.

Guilherme Mariucci disse...

Ah e só pra constar, para os "conscientes" da minoria, essa maioria que elegeu Lula e agora vai eleger Dilma, é a mesma que elegeu FHC.

Por que naquela época ngm desses "conscientes" reclamaram que a maioria nem sempre tem razão?

Anônimo disse...

OS ÓRFÃOS DO SERRA APROVEITAM QUALQUER ESPACINHO PRA DESTILAR SUAS MÁGOAS. SINTO PENA DELES PORQUE SEI O QUE É ISSO. JÁ HOUVE TEMO EM QUE AS PESQUISAS FAZIA A GENTE NÃO DORMIR E AINDA TER QUE AGUENTAR A APORRINHAÇÃO DOS AMIGOS. MAS NÓS TEREMOS ALTERNÂNCIA DE PODER. SAI O LULA E ENTRA A DILMA. DAQUI A QUATRO ANOS DÁ PRO LULA VOLTAR PORQUE O DEMO VAI DESAPARECER E O PSDB VAI VIRAR NANICO. O LULA TEM 79% DE APROVAÇÃO SEM COMPUTAR OS BRASILEIROS QUE DIZEM QUE SEU GOVERNO É REGULAR. TODOS QUE CONHECEM O MUNDO DA POLÍTICA E DAS PESQUISAS, SABE QUE REGULAR É COMPUTADO COMO APROVAÇÃO (NA ESCOLA, QUANDO O CARA TIRA REGULAR ELA PASSA DE ANO). O GLOBO NÃO FAZ ISSO. COM O REGULAR, O GOVERNO LULA VAI A 96% DE APROVAÇÃO! O PAÍS TEM INSTITUIÇÕES SÓLIDAS, A IMPRENSA É LIVRE (ATÉ O MAINARDI PODE FALAR), AS PESSOAS PODEM FALAR O QUE DESEJAM. ESTAMOS NUMA DEMOCRACIA E OS POBRES COMEM MAIS... HOJE QUANDO VI OS NÚMEROS, CHOREI DE EMOÇÃO. DESDE O SEGUNDO TUIRNO DE 1989 FAZIA CAPANHA EM HORA E FORA DE HORA PRO LULA. É GRATIFICANTE SABER QUE ESTAVA NO CAMINHO. SE 96% APROVAM, É PORQUE É MELHOR QUE O VENDILHÃO FHC. OS 4%DESCONTENTES TÊM DE ACEITAR AS REGRAS DA DEMOCRACIA. TÁ LINDO DE VER: NENHUM ADESIVO DO SERRA NOS CARROS. OS SANTINHOS DOS ALIADOS DELE, OS DA CIDA, POR EXEMPLO, TRAZEM ELE LÁ EMBAIXO, PEQUINININHO. É UMA PENA, PORQUE O SERRA ERA O MELHOR QUADRO DO PSDB, MAS FOI SE JUNTAR COM O POVO DO FHC E SE DEU MAL. E O CARA DEIXOU A PREFEITURA DE SÃO PAULO E O GOVERNO PRA PERDER DESSE JEITO...

PS: A DILMA PASSOU SERRA EM TODAS AS REGIÕES.

PS 2: BETO RICHA ESTÁ APAVORADO PORQUE O SERRA TÁ QUERENDO COLAR EM TUCANOS QUE ESTÃO BEM NA PESQUISA.

acm

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Lukas, o problema não é ficar o que "der certo"; é o que não...

Sou contra qualquer tipo de reeleição, onde quer que seja!!

Marco Fabretti disse...

o tópico não era sobre uma segunda reeleição? ah, não sabia que o lula não estava mais concorrendo gente, desculpa... erro grosseiro, já estou na quinta chibatada.

quanto ao comentário número vinte, olha, vc sabe ler... alternância citada em nenhum momento implicou em ganhar psdb. das duas uma: ou há falta de compreensão devido a leituras apaixonadas e ideologizadas de qualquer comentário que vá contra a manada (neste caso sinto muito, não faço elegias à manadas - elas condenam cristo, queimam bruxas, matam judeus, discriminam gays e assim por diante) ou há falta de compreensão por pura má vontade mesmo.

a internet tem suas vantagens, permite muita gente expressar opinião, inclusive aqueles que nunca conseguiram por outros meios. isso não quer dizer que tudo o que se diga deva ser considerado, pelo contrário. aqui parece haver pessoas entricheiradas e descontentes prontas a repelir qualquer coisa de diferente - justíssimo, quando se há argumentos. Bom, já que temos a ferramenta, porque não elevar o nível? Pedir isso num fórum com tantos anônimos talvez seja complicado demais, mas há que se tentar.

Sinceramente, não dou à mínima para a defesa do sagrado governo lula e para o ataque aos adversários nos moldes como muitas vezes se é feito.

já sobre a reeleição para um terceiro mandato, motivo do tópico, afirmo crer, novamente, ser algo ruim para a consolidação das instituições. Imprensa livre também é necessária, vide Venezuelas da vida. E uma reforma política seria bem vinda também. Não lotear cargos públicos, não abusar do poder do estado com investigações sobre sigilos bancários e fugir de populismos baratos são boas medidas para quaisquer governos.

Anônimo disse...

Lula com Hitler!
FHC com Chavez!!
Que beleza! Quanta consciência, quanta paranóia, quantas "teorias da conspiração"!
Mas, iso é muito bom! Já dizia o 'filósofo':
a Democracia é uma M.. mas, é o melhor regime que existe!

J. Sborchia disse...

De 02/05/1997 até 10/05/2010, por treze anos, a Inglatera esteve sob o governo do Labour Party (leia-se Partido dos Trabalhadores).
Foi uma época de euforia, com distribuicao em larga escala de beneficios de toda especie para todas classes sociais. O cidadao ingles se acostumou a trabalhar menos de 40 horas semanais nao porque ganhava o bastante para se sustentar, mas porque o governo bancava o resto.
Child Tax, Working Child Tax, Working Benefit, Jobseeker Alowance, e muitos outros beneficios (dinheiro do governo) fizeram do povo ingles um povo, digamos, nao muito afoito ao trabalho dependendo quase que exclusivamente do imigrante legal ou ilegal para fazer o trabalho pesado.
A oferta de mao-de-obra comecou a se tornar escassa e para suprir essa lacuna o Primeiro Ministro Tony Blair e depois Gordon Brown, ambos do Labour Party, escancararam as fronteiras para os imigrantes dos paises pobres do leste europeu (Polonia, Lativia, Estonia, Lituania e uma dezena mais) recem agregados a Uniao Européia.
Como uma doenca, a preguica tambem é contagiosa, e muitos desses imigrantes, com os mesmos direitos a beneficios, passaram tambem a “mamar” nas tetas do governo recebendo beneficios e trabalhando pouco.
Mas tudo continuava muito bem. Afinal a Inglaterra é um pais rico. Tinha dinheiro.
Acabou-se a era Labour e comecou a nova era politica: A do Conservative Party (Partido Conservador) com David Cameron assumindo a cadeira de primeiro ministro.
Acabou-se a festa. O superavit passou a ser deficit.
A Inglaterra tem um deficit de bilhoes de libras esterlinas.
Deve muito dinheiro para a maioria dos paises ricos da Uniao Europeia.
Durante treze anos o pais gastou muito mais do que arrecadou. Contas maquiadas, dinheiro sendo tirado da saude, da seguranca e da educacao, os tres pilares mestres da sociedade, para pagar beneficios e deixar o povo de bem com o governo.
David Cameron ja esta entrando para a historia como o carrasco que acabou com muitos beneficios, parou de dar dinheiro de graca para o povo, aumentou os impostos e esta tomando medidas antipaticas, ao ver do povo, para tentar estabilizar as contas publicas.
A Inglaterra ainda nao saiu da ultima crise mundial. E ainda vai demorar um pouco para isso acontecer.
Meu grande temor é que isso venha a acontecer com o Brasil, no dia em que os atuais governantes deixarem o poder.
Sou brasileiro, entendo de politica, de economia e de historia. E pela recente historia do Brasil as coisas nao podem estar tao certinhas e maravilhosas como se prega.
Tenho muito medo!
Joao Sborchia, Londres, 28/08/2010

+Brasil disse...

Seu comentario é o mais perfeito exemplo de democracia.

+Brasil disse...

veja bem que alternancia de poder pode ser a que eles querem a seu modo. Voce ja imaginou o partido comunista querer participar das eleições amercianas, não pode pois não é democracia segundo as "zelites", parsa voce ter ideia eles mantiveram Pinochet no Chile quase 20 anos sem que ele tivesse disputado um unico voto em eleições livres. Pinochet saiu, e eles ainda batiam palmas. Chavez pos seu mandato em referendo e ganhou, depois tudo que ele quis discutir para o pais, ele jogou em plebiscitos e eleições, os que ele perdeu, foram pouquissimas, aceitou. Ganhou todas as eleições que ele disputou.Mas Pinochet é democrata e o Chavez é o ditador, pelo menos para esses "cansados", que volta e meia tentam reviver a TFP.