30.7.10

Repetindo o Vox

E agora? O que o Datafolha vai fazer com aquele empate técnico da última pesquisa?

16 comentários:

Anônimo disse...

No Ibope não dá empate, mas, considerando os 2 prá cima e 2 prá baixo, uma diferença de apenas 1%. Pelo jeito isto só vai ser decidido no segundo turno.

Omega Blog disse...

Muito bom, parabéns pelo blog...

Wilson Alves disse...

Lukas, Noqueiros e Visitantes...

Dilma e Serra estiveram empatados, mas já faz algum tempo que a candidata do governo está à frente.
De qualquer forma a notícia auspiciosa para os progressistas é que Dilma Rousseff vem subindo, lentamente, mas sempre ascendendo. Em contrapartida, a trajetória de José Serra, seu principal opositor, embora também seja lenta é descendente, continuamente.
Hoje a candidata governista tem 39 pontos; todos os outros candidatos somados possuem aproximadamente 42 pontos. A diferença é de apenas três pontos, assim, se não houver alteração nos votos brancos e nulos e Dilma somar mais dois pontos a eleição presidencial será decidida em primeiro turno.

Anônimo disse...

Wilson, não se esqueça que o Derrotox 45, segundo o DataPIG saiu com 46% de intenção de votos quando Dilma ainda não tinha feito campanha.
Após sua candidatura, em algum momento, houve sim empate. Mas não esse do Glogolpe ou do datafolha de uns 15 dias atrás.
Mas o Zé Pedágio desatolou dos 33%. Paulo Henrique acha que ele tem 30%, ou seja, uma perda de 16%.
Como está havendo uma percepção internacional das mentiras e manipulações, o risco Serra passou a ser considerado seriamente, aumentando assim seu índice. De rejeição.
Virço, um pedido: Não negue a existência dele.
Ivan
Ivan

Anônimo disse...

Engraçado...

Vocês só acreditam em pesquisas quando a Dilma está á frente.

Lukas pede que o Wilson continue comentando e afirma que censura comentários ofensivos á ele. Mas cansa de censurar comentários sem ofensas, que apenas vão contra sua opinião. Direito dele que é o chefão aqui.

Não está agindo como os que critica ?

Êêê democracia !!!

Anônimo disse...

(JÁ DISSE: ERRAMOS, EU E O NOVOJORNAL ! DEVO PEDIR ENCARECIDAMENTE?) TUDO CERTO QUANDO 2 E 2 DÁ O QUE O DATAFOLHA BEM ENTENDE

author: Lingua de Trapo

Lambido do Novo Jornal que, surpreendentemente, ainda acredita que o Datafolha seja um instituto sério.


Soma de preferência em pesquisa para Senado em Minas dá 144%
É inacreditável que um instituto sério como o Datafolha divulgue um resultado onde a soma das preferências dos eleitores ultrapasse 100%

Temos que admitir que o poder do governo de Minas perante a mídia nacional e local é realmente gigantesco.


Pior ainda é o pânico dos jornalistas com as inevitáveis retaliações e demissões ocorridas depois de contrariado os interesses destes “eleitos”.

Por mais que noticiássemos, existiam aqueles que afirmavam: “O Novojornal é imparcial e contra o governo”.

Ao divulgar o resultado da primeira pesquisa eleitoral para o cargo de senador por Minas Gerais, a “Folha de S. Paulo” apresentou o seguinte resultado: Fernando Pimentel (PT) tem 23% e está em terceiro lugar, atrás do ex-governador tucano Aécio Neves (62%) e de Itamar (41%). Só a soma das preferências relativas a estes candidatos totalizam mais que 100%.

“Certamente que o Datafolha deve ter uma explicação para isto”. (sic)

http://linguadetrapo.blogspot.com/

Henry disse...

Não esqueçamos que o candidato uribista/facista do psdb.dem tem o maior índice de rejeição nas pesquisas!

Wilson Alves disse...

Ivan...
Concordo ”Ipsis litteris” contigo e tem mais uma coisa que se levada em consideração acentua mais ainda o potencial de Dilma e a fraqueza de Serra:
A imprensa falada escrita televisada, corporativa que é, está quase em sua totalidade, apoiando o candidato José Serra, porém, nem por isso seu candidato mequetrefe consegue se sobressair.

Anônimo disse...

Virço, quando falei dele, era daquele que você e os travessos insistem em negar a existênciasob a alegação de não ter havido ainda julgamento. E não é de candidato que falei pois vamos votar no mesmo candidato, você ainda não percebeu? É de maus hábitos que terão que ser punidos. Negar a existência deles é se equivaler aos que combatemos ou que, ao menos eu, combato. A única ideologia que não admito é o da senvergonhice e da roubalheira.
Ivan

Anônimo disse...

Virço, me desculpe. Interpretei mal o "seu candidato" que, numa releitura, percebi que não era meu e sim deles, do PIG.
Pensei que você estava imaginando que eu votaria num estrangeiro, esse tal de ipsis litteris.
Ivan

Wilson Alves disse...

Caro Ivan...
Realmente tentei imaginar do que você falava quando disse que eu não deveria negar a existência, confesso que somente agora tomei conhecimento de teu recalque.

Primeiro:
Política não se faz com inocência, nem se governa sem maioria numa democracia, necessário se faz, portanto, encontrar as formas de equilibrar poderes.
Para bem governar muitas vezes é necessário fazer uso de meios não tão ortodoxos. Para os puritanos um horror, para os meros mortais um mal necessário .

Segundo:
Eu nego MENSALÃO enquanto nada ficar provado, estou tão “errado” quanto você que não nega mesmo sem prova alguma de sua existência. Ou será que você possui as provas que o Ministério Público e a Polícia Federal não têm?

Terceiro:
Quem deveria estar lhe cobrando posição seria eu, afinal, caminho pari passo com a realidade, enquanto você, ao que parece, prefere encampar a teoria dos neófitos que estupram estado de direito, na medida em que subvertem o basilar ônus da prova.

Anônimo disse...

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/ser-candidato-e-nao-ter-vergonha

Anônimo disse...

Wilson, não ter feito auditorias nas contas do FHC, serve como prova.
Aceitar a continuidade do esquema do azeredoduto, serve como outra prova.
A renúncia de alguns pegos na boca do caixa, serve como prova.
Demissão de chefe da polícia federal serve como prova.
As principais cabeças do partido rolaram porque? Por falta de provas?
As defecções sevem como prova.
Vou parar por aqui para não dar munição para os vendilhões da pátria que também tem coragem de negar óbvio, como a existência de pedágios extorsivos.
Ivan

Wilson Alves disse...

Ivan...
Sofismas não são provas de absolutamente nada.
O que tem a ver contas de FHC com suposto mensalão petista?
Tudo leva a crer que Eduardo Azeredo tenha mesmo metido a mão no erário público, pois, tem até recibo assinado por ele; quanto ao PT nunca se conseguiu provar que o dinheiro fosse público, mas sim de empréstimos feitos junto ao Banco Rural e BMG. Ou seja, até prova contrária, o tal de MENSALÃO não passou de CAIXA 2, condenável também, contudo, prática corriqueira em democracias cuja lei eleitoral esteja capenga.

Wilson Alves disse...

A renúncia de alguns elementos pegos na boca do caixa serviu como prova de delito, porém, não tipificou o delito, quem renunciou sofre até hoje as consequencias. Importante lembrar que ninguém pode ser punido indefinidamente por ter errado, nem se deve julgar uma instituição pela delinquência de alguns de seus membros. A Igreja Católica não passou a ser pedófila apenas porque alguns de seus sacerdotes praticaram pedofilia.
Quanto ao chefe da Polícia Federal que teria sido demitido, reveja sua base de informações; ou muito me engano ou você está confundindo o suposto mensalão com a Operação Satiagraha. Veja bem meu caro Ivan, alho é alho e bugalho é bugalho.

Wilson Alves disse...

As lideranças do PT afetadas, bem como, a apostasia de alguns petistas só provam que o Partido dos Trabalhadores tem vergonha na cara, fosse outro, DEMOCRATAS por exemplo, e os elementos flagrados praticando CAIXA 2 fariam apenas cara de paisagem.
Isto posto, devo dizer que não me arrependo nem um pouco de fazer parte da caravana que se põe ao largo dos cães que ladram e até de alguns gatos que também o fazem, igualmente.