2.6.10

Estádio fantasma

Faz uns 30 minutos que eu estava ensaiando para escrever isso, mas antes queria confirmar e provar pra mim mesmo que não estou biruta. Quase não vejo futebol e estou assistindo o jogo Palmeiras e Flamengo, no estádio do Pacaembu.
Estou vendo de forma despretenciosa, meio desligado. Dou uma olhada na TV e uma lida no livro.

Bom... reparei, numa fração de segundos, que uma bola chutada contra o gol do Palmeiras foi para fora e atravessou a placa da Brahma. Achei que tinha sido impressão, mas não. Pouco depois, outra bola foi para fora em direção à placa do cartão Visa. E também passou através dela como se ela ali não estivesse.
Comecei a prestar mais atenção e, 10 minutos depois, foi a vez de a bola ir para a área do Flamengo. Ela saiu e atravessou outra placa fantasma, desta vez do Itau, indo bater numa placa da TAM, mais ao fundo.
Aí aconteceu o mais assustador: repetiram o lance por outro ângulo e a maldita placa não estava mais lá!!! Simplesmente havia se evaporado, ido para outra dimensão.

Foi a gota d'água. Desliguei a TV e fui dormir.
O Pacaembu é mal-assombrado.

8 comentários:

Tee disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk Deus eu achei que era só eu que tinha via os fantasmas

Anônimo disse...

É trucagem midiática, mesmo.

Todos os patrocionadores poem suas marcas, nas imagens de qem transmite seus espetáculos, nao necessariamente estando elas no ambiente do acontecimento.

É truqe sujo, mas eles se aceitam - a grana cala.

Inté,
Murilo

Ps.: melhorando? Torcemos.

Wilson Alves disse...

Lukas...

Essa erva que você arranjou é das boas, depois me mande um papelote pra que no próximo jogo do São Paulo os zagueiros e o goleiro do time adversário se pareçam com as "placas do Pacaembú".

Abraços! Oooopss, digo, aperto de mão. (Os reaças estão em polvorosa)

Tutuco disse...

Poxa, esse Wilson Alves tem tantas coisas em comum comigo. Até para o São Paulo F. C. ele torce. Nosso time é chique né Wilson? Tem tantos craques que até causa inveja aos demais. Não sei o Wilson, mas o meu ídolo é o Richarlyson. Adoro o Richarlyson quando ele cai para mais para esquerda e espera as bolas no segundo pau.

Abraços aos reaças!!! Se eles quiserem os abraçar, claro!

Wilson Alves disse...

Tutuco...
Quando você chamou o “Rick” de Richarlyson sem querer entregou que não é Bambi legítimo. Aliás, nem entenderia tanto de pau, fosse este, primeiro ou segundo.
Você deve ser a Pandora Tutuco, líder da “Gayfiel”, torcida uniformizada rosa do Corinthians.
Abraços virtuais (pra não excitar reacionário)

Tutuco leu o comentário do Wilson e disse...

Pare com ilsson Wilson.
Eu de-tes-toooooooo o curintia. Obrigadinho por estar atento e responder ao meu comentariozinho... Isso chega a me dar calafrios e uma queimação no final da espinha. Que o seu namorado Ivan não leia isso né?

hehehehe!!!!!!!!!!

Abraços apertadinhos Virsinho!

Wagner disse...

Essas placas que você cita não foram imaginadas, Lukas. Elas ficam deitadas aos lados do gol, dando apenas a impressão de perspectiva pelo modo como são impressas. Existem em todos os estádios e é normal a gente se confundir. Abraços.

Wilson Alves disse...

Lucas...
Na verdade, não tinha percebido de qual placa você estava falando. O comentário do Wagner, com a explicação sobre as placas, chamou-me a atenção para o fato de que além de ótimo cartunista você também faz humor.