17.6.10

Cada uma

Em São Paulo, as irmãs Suzana e Samira, de 5 anos, enfrentam problemas para estudar. No ano passado uma delas teve seu cadastro desaparecido e apenas uma delas conseguiu ir à escola.
Agora, em 2010, a coisa se inverteu. Por motivo de mudança, é Samira quem não conseguiu vaga.
Ocorre que ambas são gêmeas e a mãe está fazendo rodízio com as duas na sala de aula. Ou seja, ambas estão estudando em forma de revezamento.
"As duas gostam muito de estudar, mas só a matrícula de uma delas foi aceita", conta a mãe. "Decidi revezar as meninas como uma forma de protesto".

2 comentários:

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

E cadê o MP paulistano nessa?

Anônimo disse...

Balestra, lá como cá...