12.5.10

Relatório

Olá, noqueiros. Hoje fui ao médico do pescoço, o dr. Joaquim. De todo o processo de tratamento contra a doença, ele, sem trocadilho, é o "cabeça" da operação. Foi ele que, no começo, sugeriu as sessões de rádio e quimioterapia. Tudo correu bem, apesar do sofrimento.
Ele me examinou hoje e disse que o que está acontecendo (perda parcial de voz, dificuldades pra engolir, machucados na boca) é normal e faz parte dos efeitos colaterais (as médicas já haviam falado, mas uma terceira opinião é bem-vinda). Me recomendou dois remédios: uma pomada para combater aftas (muito bom) e um análgesico pra se colocar embaixo da língua.
Diluí um comprimidinho embaixo da língua meia hora antes do caldo de todo dia. Acontece que a Isa colocou macarrão no meio e eu comi!! Sério; usando colher, mastigando sem problemas e descendo, na boa. Até então eu estava engolindo direto o caldo em uma cumbuca, igual aos japoneses tomando sopa. Não sei se foi efeito do remédio ou a boca vem melhorando há alguns dias, pois no final de semana tomei uma superdose de Flotac, indicado pela drª Adriana. Seja lá o que for, algo está dando certo. Graças a Deus.
Amanhã quero fazer um teste. Vou tentar comer fígado de boi mal passado. Ou mesmo uma bisteca de porco ou frango. Ainda vou escolher. Desculpem o papo furado neste espaço, mas é que eu queria dividir isso com os amigos e parentes, e prometi a alguns mantê-los informados.
Paz a todos.

11 comentários:

Anônimo disse...

Viva!!! Pode marcar um churrasco !!!

Anônimo disse...

Avisa quando estiver comendo melhor, para eu te levar um pão feito em casa, muito bom e macio.

Anônimo disse...

Lukas, quero te dizer uma coisa muito séria, a doença só pega de jeito quem se deixa pegar,nunca mas nunca mesmo dê espaço na sua vida para o desânimo ou para pensamentos negativos, ore a Deus crendo que vai receber a cura,precisam estar ligados seu pensamento(na cura), seu coração e sua oração, alimente-se bem, durma cedo,não tome leite de vaca, coma frutas,vitaminas,dê muitas gargalhadas,não veja filmes dramaticos,não veja noticias tristes,veja filmes de amor,fale daquilo que é positivo,veja o por do sol,os passaros cantarem a criança brincando, converse muito com pessoas que falam daquilo que é agradável, fuja dos pessimistas, dos hipocondríacos e acima de tudo creia,creia em Deus que é dono de todas as coisas.

Um grande abraço

Maria.

Lucia Izabel disse...

Lukas, pode ter certeza, não é papo furado.Qualquer pessoa que sabe (ou consegue) se colocar no lugar de outra, entende o que você está sentindo. E as emoções são nossas, pessoais, mas é tão bom dividi-las com os outros! E nós, amigos anônimos, ficamos felizes com a sua felicidade de descobrir significados tão grandes em coisas aparentemente pequenas, que fazemos automaticamente, sem dar muito valor. Você já pensou quantas pessoas estão passando por situação semelhante e você está ajudando, dando forças, com o seu "papo-furado"? Continue fazendo isso, não só pelos seus amigos ou parentes, mas por todos que torcem por você e por aqueles que precisam dessa coragem e certeza de que as podem podem dar certo. Fica com Deus!

juliano disse...

Sucesso.
E palmas e salves a vida.
Estamos torcendo pro você.
Logo logo vai decer aquela gelada.

Xuxa.

Aragão disse...

Desde o primeiro post sobre a sua doença tenho seguido seus relatos. Você está vencendo por que não deu a importância que a doença queria ter na sua vida.
Grande atitude.
Você está inspirando muita gente, sem saber quantas.
Força que o churrasco não tarda!

Aragão - Umuarama.

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Só posso ficar feliz em saber de seu "Relatório", Lukas!

Não há nada de papo furado. Há muito mais gente torcendo por sua recuperação do que você imagina!

Em frente!!! Marche!!

Carlos AF De Giovanni disse...

Bom saber de sua recuperação! Bom saber de você!!
Continue nos informando, nos deixando mais contentes em saber de sua saúde, de você!
Fique bem! E, não esqueça, assim que quiser e puder, está convidado a tomar uma boa cerveja comigo.
Grande abraço!

Wilson Alves disse...

Legal, Lukinhas.
Mas, não marche, ande. Caminhe ao nosso lado, seja nosso amigo.

Anônimo disse...

Profissionalmente te conheço pelos jornais e blog.
Pessoalmente, através de uma palestra que você fez no Rotary Maringá Aeroporto.
Continue com esse espírito de VIDA e você será vitorioso.
Sou cada vez mais seu fã.
BADAN

Isabela Bianchi disse...

Olá Lukas. É como foi dito em um dos comentários, a doença só destrói de verdade quem se entrega. Parabéns!! Fico muito feliz em saber que esta tendo reações positivas, isso é mais que incentivador. Tenha força, não desanime, não se entregue. Vc vencerá. Abraços...