5.2.09

Empregos X baixaria

De leitor da folha de sampa desta quinta-feira:

A Perdigão está concedendo férias coletivas a 2.700 funcionários e fechando duas fábricas de laticínios, uma no Rio Grande do Sul e outra em Minas Gerais, demitindo 233 trabalhadores.
É relevante lembrar que há menos de três meses a Perdigão recebeu, para expansão de seus negócios, R$ 280 milhões do BNDES.
Dinheiro público que poderia muito bem ser usado para investimentos em educação, saúde, segurança e outras coisinhas mais. Em vez disso, uma parte daquele montante foi usada para o patrocínio da Perdigão ao programa "Big Brother Brasil" (...)

12 comentários:

Cesar disse...

Como é lastimável esse tipo de gente. Tanto que ganharam dinheiro esses anos todos...
Depois, é aquela patriotada de copa do mundo, quando se vestem de verde e amarelo gritando: Brasil!Brasil!Brasil!

Anônimo disse...

Quem sabe - vamos pensar bem - a perdigão faça propaganda no big brother para aumentar as suas vendas e, com isso, possa manter - entre outras coisas - o emprego daqueles que ainda não demitiu?
Ou será que a perdigão faz propaganda no bbb porque acha legalzinho?

jesus...

Cesar disse...

Jesus, de fato tens razão ao afirmar a inportância da propaganda como alma do negócio.
Existem, porém, coisas mais urgentes, como expansão de suas fábricas e garantia de salário a seus funcionários. Até para ter produção que satisfaça sua demanda.
Abraço.

Anônimo disse...

"Se um dia levantares com dúvida de onde aportar seu capital, lembre se de um nome bonito, verde e amarelo, chamado Brasil".

Luiz Inácio Lula da Silva

Anônimo disse...

Os patrocinadores do BBB são HSBC, Niely, Johnson & Johnson, Fiat e Ambev...Portanto, a informação não corresponde a verdade...

Cesar disse...

Se não há patrocínio da Perdigão ao BBB, onde foi parar a dinheirama que o BNDES depositou lá? Pagar dívidas? Há anos que a Perdigão vem obtendo bons lucros por ser uma marca consolidada no mercado. O dinheiro financiado era exatamente para manter seu quadro de funcionários, garantindo-lhes o emprego. Talvez uma auditoria externa possa ajudar a resolver este estranho caso de polícia.

Anônimo disse...

Eu não entendo,aliás alguem poderia me explicar, pq o governo investe em empresas privada?.

HENRY disse...

As empresas da inciativa privada estão dando um péssimo exemplo porque são "Privadas" literalmente!!!

Acredito no Presidente Lula e na coragem do povo brasileiro!!!
Como disse o martir Luther King:
" A melhor forma de se combater uma crise é trabalhando"!
Porque non te callas! Globo e mídia terrorista!!!

Cesar disse...

Olá, Henry
creio que tens razão em muitas coisas. Há dois tipos de trabalho:
o físico e o mental. Já viste um padre suado dando duro no batente?
No entanto ele é muito importante
para toda a comunidade. A verdade é que as religiões são verdadeiramente um mal necessário.
As pessoas não estão preparadas para a verdade. As religiões servem mais para separar que unir os povos, semeando o preconceito de que só há salvação através de sua religião. Os verdadeiros adoradores, aqueles aos quais o Senhor se manifesta, são os que o adoram em espírito e verdade.
Abraço.

Henry disse...

Valeu Cesar!!

Não esquenta com meu jeitão de desabafar!!!
Abraços

Cesar disse...

Olá, Henry
achei você um cara muito legal. Vamos ficar ligados no blog do Lukas, pois certamente haverá outros importantes assuntos para uma boa troca de idéias.
Grande abraço.

Anônimo disse...

Pior que a ignorância completa é a ignorância parcial, que induz a pessoa a achar que pode abrir a boca. nada pior que office-boy discutir macro economia. Olha o que sai... A Perdigão não ganha dinheiro a fundo perdido. Vai pagar o que pegou. Chama-se fomento da administração pública e tem previsão constitucional (artigo 137 da CF). Quem faz isso é o MST, a Via Campesina, etc. e etc. que não geram um único emprego. A Perdigão, como qualquer empresa, precisa anunciar, seja na Playboy, seja no BBB, seja onde for. E se não vender seus produtos, precisa recuar, demitir. O Colégio Nobel está com vagas abertas para o supletivão do 2º grau. Não se constranjam. Nunca é tarde para terminar os estudos.